fundo

5 de setembro de 2013

Preciso que me prometam!

Que isto vai melhorar!

Estou a perder anos de vida com as entregas do meu filho na creche!
CREDO!

Começou na segunda feira e desde aí que isto só piora.

Se na segunda só começou a chorar quando me vim embora hoje começou a chorar ainda em casa.
Na creche tiveram que o arrancar tirar do meu colo, tal era a gritaria e o pranto! E eu quase a entrar em colapso e a ter um ataque de choro daqueles (escusado será dizer que fugi dali quase a tapar os ouvidos e de lágrimas a correr pela cara).

Eu sei que é pelo bem dele. Eu sei que só lhe faz bem. 
Eu sei que as rotinas, os limites, as regras, o socializar são importantes nesta fase da vida deles. Até porque os equilibra e os torna mais felizes, no futuro

Mas, raios, custa! Se custa! E dói. E massacra. E faz-nos pôr tudo em causa. E duvidar da certeza que tínhamos.

Valem-me a educadora e as auxiliares e todo o pessoal da instituição que são excelentes e transmitem-me muita confiança. E são tão carinhosas com ele (ele farta-se de dar beijinhos e abraços a todas antes de vir embora)...


9 tretices:

Carlos disse...

Vai melhorar, não tenhas dúvidas. Se conseguisses não ser tu a levá-lo adaptava-se ainda mais rapidamente. E embora o A. faça mais aparato, ficas tu mais tempo a pensar nisso do que ele. Tenho a certeza que em menos de 2 minutos o choro dele passa, enquanto tu vens o resto da viagem a pensar nisso.

Sofia Loves disse...

Vai melhorar... mas custa-nos!! Ele como já é grandinho agora precisa de uma maior adaptação, mas não tarda vai gostar! bj

Bi disse...

Vai melhorar Raquel! Podes confiar!! Este choro não é muito mais que a tentativa deles de levar-nos a não deixá-los na escola! É um braço de ferro! Assim que viramos costas e percebem que afinal vão ficar ali, passa! :) Custa-nos a nós muito mais! A C. depois de um primeiro dia em grande, também tem vindo a tentar a sua sorte. Hoje ainda em casa disse-me que queria ir para a praia... Assim que viu a entrada da escola começou logo a rabujar, mas depois a educadora chamou-a para o seu colo e ela calou-se e lá foi... já mentalizada! TU é que tens de ser forte e tentar não passar para ele a tua andiedade! E claro, para o A. é tudo novidade! Tem calma, mais uns dias e coisa melhora!!

Um grande beijinho*

Magui disse...

Muito boa sorte... Não podes desistir já nem começar já a pensar que se calhar não é a coisa certa... Deixa andar 15 dias, 1 mês e aí sim se persistir a "depressão" pensas no assunto com outra frieza! Agora tens que continuar e acreditar que vai mesmo melhorar!
Um beijinho muito grande

BebéBolsão disse...

Eu tenho tido o mesmo problema! Nos primeiros dias até correu bem, mas agora...é um sofrimento. Ele a chorar a esticar os braços para mim, eu a ter de voltar costas e a sair a chorar também. Espero mesmo que passe!!! E rápido.

Boa sorte para vocês.

Beijinhos

Princesa sem Reino disse...

Vai melhorar sim :) Dá-lhe mais uma semana e vais ver como melhora! Força!!! Beijinhos

S. disse...

Melhora. Nem sempre é tão rápido como gostaríamos. Os miúdos têm medo que nos esqueçamos deles, a separação causa muita angústia. Mas acredito que se fores forte e lhe conseguires transmitir a segurança e a certeza de que estarás lá no fim do dia, ele também o vai entender e acaba por adquirir essa segurança. Custa, mas vale a pena. Beijinhos

CS disse...

Já ando a pensar nisso... e Setembro ainda vai longe. Contudo, cada vez sinto menos vontade de a meter numa creche no próximo ano. Apetece deixar isso para 2015, quando tiver 3 anos e meio...

raquel disse...

@CS

Obrigada pela visita e pela mensagem.
A veradde é que custa um bocadinho. Achei que ia ter que desistir, mas a coisa melhorou muito!
O A. não adora o infantário, mas acho que já gosta muito.
Um beijinho grande*

Quem passa por cá