fundo

15 de setembro de 2012

Queria ter ido.


Muito mesmo!

Não sou dada a manifestações, nunca fui de participar. Mas a esta manifestação queria ter ido, queria ter participado.
Infelizmente o meu marido teve que ir trabalhar. O desemprego obriga-o a ter que fazer esforços. E eu não arrisquei a ir sozinha com o A. para o meio da manifestação.

Mas assisti na televisão. Revi-me naquela gente, naqueles pais, naqueles profissionais, naqueles contribuintes, neste povo.
Emocionei-me e apesar de não estar presente de corpo, estive de alma e coração. 


4 tretices:

A nossa viagem.... disse...

Tb não sou dada a estas coisas mas não poderia ficar indiferente e deixar os outros manifestarem-se por mim, e principalmente pelo futuro do meu filho, vê-se que continuamos um povo pacifico(e ainda bem) mas sobretudo unido, vamos ver se o sr. Se manca... Beijinhosssss

A nossa viagem.... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
OutraMaria disse...

eu estive a trabalhar 12h neste dia porque preciso muito, mas a lagrima cá andou no canto do olho, pois com tanto sacrificio nao se ve melhoras em lado nenhum :(

raquel disse...

Obrigada pela visita e pela mensagem, OutraMaria.
Um beijo enorme*

Quem passa por cá